Com a internet cada vez mais presente na vida das empresas, é quase impossível se fazer indiferente.

Dessa forma, para estabelecer conexões com potenciais clientes empresariais, quebrar as barreiras geográficas e manter a interação social, é fundamental usar as redes sociais. 

No entanto, engana-se quem pensa que elas são úteis apenas para essa finalidade. Na verdade, as redes sociais são ótimos recursos para o ambiente corporativo, uma vez que podem otimizar processos, engajar o público e construir boas relações com os clientes. 

Além disso, quando alinhadas a estratégias do marketing digital, as redes sociais são capazes de alcançar um enorme público, atrair novos consumidores e criar autoridade para a marca. Mas, afinal, como utilizá-las no no segmento B2B? 

Pensando em responder a essas e outras perguntas, preparamos este post. Nele, você verá 4 maneiras simples de aplicar as redes sociais dentro do segmento B2B. Quer saber mais? Continue lendo!

1. Escolha seu público

O primeiro passo é definir o público-alvo da sua marca. Afinal, só assim é possível identificar onde fazer a divulgação do seu produto e de que forma, além de avaliar os hábitos e comportamentos dos potenciais clientes. 

Com essa análise em mãos, você pode realizar uma pesquisa e entender quais são as redes utilizadas pelos consumidores, quais métodos irão chamar mais atenção, entre outros.

A partir desse pressuposto, descubra e responda as principais dúvidas e questionamentos do seu público em relação aos produtos e serviços comercializados. Essa é uma ótima maneira de saber como criar um conteúdo relevante e priorizar as preferências dos clientes.

2. Fique atento

As redes sociais são ótimas aliadas para divulgar produtos e serviços e manter um canal de comunicação ativo. No entanto, essas atividades exigem tempo e atenção. 

Sendo assim, fique atento aos questionamentos, uma vez que um cliente que não é respondido pode acabar desistindo da empresa.

Afinal, ele também é outra empresa, e necessita realizar as suas atividades de forma ágil. Outro ponto importante são os comentários. Inclusive, é fundamental respondê-los. 

Nesse tópico, vale abordar que os comentários negativos também merecem atenção. Se você atua com serviço de solda, por exemplo, é possível fazer uma avaliação da empresa ou produto e, caso a sua tenha alguma manifestação negativa, busque melhorar. 

3. Lembre-se das informações 

Lembre-se que as informações são elementos importantes para o público. Por isso, ao usar as redes sociais para divulgar um produto ou serviço, não esqueça de indicar qual a função dele, como funciona, a localização da empresa, entre outros dados. 

Nesse sentido, é importante também inserir outros canais de contato, como: e-mail, telefone e WhatsAPP. Isso pode facilitar (e muito) o trabalho da sua equipe.

Isso vale para qualquer segmento industrial, mesmo aqueles mais específicos, como empresas de cesta de natal para empresas

4. Otimize a experiência de navegação 

Por fim, não crie perfis nas redes sociais sem a intenção de monitorá-los. É fundamental cuidar as plataformas. Para isso, auxilie os clientes, responda mensagens e comentários, esteja atento às mudanças de consumo e cuide do seu público-alvo. 

Dessa forma, mantenha-se atualizado. A grande parte das redes sociais aceita o compartilhamento de imagens e vídeos. Portanto, se você atua com sistema de alarme de incêndio, lembre-se de compartilhar fotos dos seus produtos e mostre o dia a dia da sua empresa.

É importante mencionar que as redes sociais para as empresas devem ser muito bem estudadas. A partir do conhecimento sobre cada uma delas, você pode identificar qual é o meio ideal para o seu negócio. 

Gostou do nosso post sobre como utilizar as redes sociais no segmento B2B? Conta pra gente!


Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.

Compartilhe