Blog do Marketing

É fato que não é tão simples montar uma estratégia de email marketing. Afinal, é necessário realizar a publicidade por meio de correio eletrônico, ou seja, deve-se  utilizar o e-mail como ferramenta fundamental para concluir ações diretas. 

É importante saber que o email marketing é uma estratégia de Marketing Digital, e com ele é possível realizar disparos de emails diretos para determinados públicos. 

Falando sobre o público, o email marketing foi por muitas vezes considerado spam, fraudes, entre outros. Isso pode acontecer se não houver planejamento ou até mesmo se o seu email não chegar até o seu público alvo. 

Pensando nisso, preparamos algumas dicas que podem contribuir na hora de montar a sua estratégia de email marketing. Neste post, você verá como criar a sua estratégia na prática . Confira!

 

1. Destaque o seu conteúdo

Sem dúvidas você vai usar o email marketing para divulgar diretamente as novidades. Mas de nada adianta realizar ações sem que haja o destaque do conteúdo que você quer realmente oferecer nesse contato.

Suponhamos que você é gestor de empresas de automação industrial e resolve criar uma newsletter, por exemplo. Neste conteúdo você consegue uma maneira de se comunicar com seus clientes, e atrair a atenção por meio do que foi  enviado.

Além de promover seus serviços e também ter relevância para quem quer saber as novidades, permite o  maior interesse das pessoas em continuar a leitura, evitando que seus próximos e-mails diretos vão para a caixa de spam. 

 

2. Entenda os diferentes formatos

O email marketing possui formatos diferentes que podem ser trabalhos.  Entender  como funciona cada um pode ajudar na hora de criar sua estratégia. Os formatos são:

  • Newsletter;
  • Email promocional;
  • Email sazonal;
  • Email marketing de boas-vindas;
  • Email para clientes inativos;
  • Email para ecommerce;
  • Automação de emails.

 

Vamos imaginar que você trabalhe com gerador de energia. O email promocional é uma ótima estratégia para que você envie a mensagem certa para o cliente certo na hora da compra. Isso é possível por meio da segmentação do seu público-alvo, por exemplo.

Portanto, a escolha de formato é um dos passos a serem realizados antes de criar a sua ação direta. 

3. Invista em ferramentas de email marketing

Muito provavelmente você já ouviu falar em ferramentas de email marketing quando pensou em montar essa estratégia, não é mesmo?

Pois bem! A utilização de software  também é importante, e você precisa investir para obter o sucesso nos seus envios, principalmente se estiver começando agora a usar o marketing digital. 

Afinal, será mais fácil realizar a entrega de seus e-mails diretamente na caixa de entrada com base no seu segmento de público.

Se você trabalha com box blindex para banheiro, por exemplo, ao segmentar o seu público, sem dúvidas, vai ter um alto desempenho em relação ao número de vendas online, por meio dos e-mails direto. 

 

4. Código de Autorregulamentação para a Prática de Email Marketing (CAPEM)

Você sabia que existem normas a serem seguidas em  um email marketing?

De acordo com informações do CAPEM, o código foi elaborado em 2009 por um grupo de entidades, e assim surgiu regulamentação para as práticas de envio de e­mail marketing.

Então, leia e coloque em prática as normas estabelecidas. Seguindo as regras, com certeza você conseguirá enviar seus emails sem desrespeitar o seu público. Legal, né?

Gostou do nosso post sobre como montar a sua estratégia de email marketing? Então compartilhe com os colegas e deixe o seu comentário!

Esse‌ ‌artigo‌ ‌foi‌ ‌escrito‌ ‌por‌ ‌Thais Teixeira,‌ ‌Criadora‌ ‌de‌ ‌Conteúdo‌ ‌do‌ ‌‌Soluções‌ ‌Industriais‌.

Compartilhe