Blog do Marketing

Se você trabalha com marketing digital, então sabe que a Black Friday vai ser uma data de sucesso para as empresas que estão no digital neste ano de 2020.

Afinal de contas, devido às mudanças causadas pela pandemia do novo coronavírus (também conhecido como Covid-19), o crescimento dos e-commerces foi espontâneo.

Para você ter uma ideia, uma pesquisa realizada pela Ebit|Nielsen revelou que o e-commerce brasileiro cresceu cerca de 47% no primeiro semestre de 2020.

Além disso, como resultado da implementação da quarentena, os consumidores brasileiros também tiveram que migrar para o digital e realizarem compras online.

Ou seja, para a Black Frida de 2020, a tendência é que a comemoração seja maiormente pela internet.

E se você tem uma empresa, e vende produtos de decoração, eletrodomésticos, motor elétrico usado, entre qualquer outro produto ou serviço, também não pode ficar de fora e não aproveitar essa grande oportunidade, não é mesmo?

Se você deseja se destacar nesta data e superar a concorrência em meio a pandemia do novo coronavírus, então chegou ao lugar certo.

Neste post, veja abaixo como é possível preparar o seu negócio para este momento. Quer saber mais sobre tudo isso? Então não deixe de nos acompanhar neste post! Vamos lá?

Prepare o seu território

Apesar de ser um fator básico, muitas empresas acabam esquecendo que a estrutura é fundamental para que as estratégias da Black Friday sejam eficientes.

Afinal de contas, para que um site possa receber uma grande quantidade de visitas, é essencial contar com um portal com um bom serviço de hospedagem.

Outro ponto importante é se o funcionamento das páginas também está 100%. Ausência de botões ou CTAs ou até mesmo páginas com erro podem prejudicar a navegabilidade dos usuários, o que impacta diretamente na experiência dos mesmos.

Sendo assim, prepare o seu website para receber todos os seus visitantes e aposte da responsividade da plataforma!

Ofereça descontos reais

Uma coisa é certa: de nada adianta oferecer descontos fakes ou maquiar os preços para que eles parecessem menores durante a Black Friday.

Afinal de contas, na internet, a competitividade é extremamente acirrada. Até mesmo em ramos mais específicos, como na venda de SPDA para raio, entre outros, oferecer preços inconsistentes pode fazer com que as suas estratégias não tenham resultados.

Sendo assim, ofereça realmente descontos incríveis, lembrando sempre de calcular a quantidade de estoque com as mercadorias oferecidas, além de analisar e mensurar todos os seus resultados durante a Black Friday.

Esteja atento ao mobile

O número de vendas por meio de dispositivos móveis cresce mais a cada dia que passa. Por essa razão, estar atento às estratégias de mobile marketing pode ser uma excelente alternativa para a Black Friday.

Se você tem um e-commerce de aluguel de betoneira, por exemplo, uma dica para começar a preparar o seu website para o mobile é por meio do teste de compatibilidade do Google. Lá você verá se o seu site suporta uma boa navegação em dispositivos móveis.

Agora que você já sabe como é possível preparar o seu negócio para a Black Friday, o que acha de seguir essas dicas e ter sucesso?

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.

Compartilhe